• Notícias de Última Hora

    segunda-feira, 24 de outubro de 2016

    Associações realizam ato em Brasília pela liberação da Vaquejada

    A organização do evento pretende centenas de caminhões de boiadeiro e cavalos para ato em frente ao Congresso Nacional (Foto: EBC).
    A Associação Brasileira de Quarto de Milha (ABQM) e a Associação Brasileira de Vaquejada (ABVAQ), com apoio da Força Sindical, preparam ato em Brasília nesta terça-feira, 25, pela liberação da Vaquejada no Brasil.
    A organização do evento pretende levar a Brasília centenas de caminhões de boiadeiro e cerca de mil cavalos, que realizarão um ato em frente ao Congresso Nacional, às 10h.
    O presidente da Força Sindical e deputado federal, Paulo Pereira da Silva lembra que a atividade emprega cerca de 700 mil trabalhadores no Nordeste. Ele conta que já marcou reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, para falar sobre a importância de liberar a vaquejada.
    “A Vaquejada é um esporte cultural e gerador de empregos”, alerta o sindicalista.
    No dia 6 deste mês, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgou inconstitucional a Lei cearense nº 15.299/2013, que regulamentava os espetáculos de Vaquejada no Estado. Com o entendimento da Corte Máxima do País, a Vaquejada passa a ser considerada uma prática ilegal, e, portanto, proibida. Desde então, diversos protestos ocorreram no país contra a proibição.
    Portal O Mossoroense (Ana Paula Cardoso)

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture