Comoção, luto e aplausos: Gil volta a Nova Cruz para seguir na eternidade

Corpo de Gil foi levado ao cemitério de Nova Cruz pelo Corpo de Bombeiros (Foto: Andrea Tavares/GloboEsporte.com)
Comoção, luto e aplausos. A cidade de Nova Cruz, distante a 93 Km de Natal, viveu um dia de luto. O velório e o sepultamento do volante Gil, que morreu no trágico acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, a caminho de Medellín, na Colômbia, causou um clima de consternação nos moradores da pequena cidade do interior do Rio Grande do Norte. Amigos, familiares, ex-companheiros de clubes pelos quais Gil jogou e uma multidão estiveram no ginásio Giovanna de Azevedo Targino para dar o último adeus e homenagear o jogador, que aos 29 anos, deixa mulher e duas filhas, um de cinco e outra de três anos.

O dia foi de expectativa para a chegada do corpo de Gil. Em voo comercial, o desembarque em Natal aconteceu por volta das 13h30. Do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, o cortejo partiu para Nova Cruz. Quase quatro horas, uma multidão aos prantos estava aguardando o ex-jogador. A família foi a primeira a entrar no ginásio e ficou em profundo choro por cerca de uma hora. Logo depois, os portões foram abertos para a comoção da população novacruzense.

Às 19h, o corpo foi retirado do ginásio municipal e levado em cortejo fúnebre em um carro do Corpo de Bombeiros. A emoção tomou conta da cidade, que lavou as ruas até o cemitério público com as lágrimas de dor pela perda do filho mais ilustre.

Comoção, luto e aplausos: Gil volta a Nova Cruz para seguir na eternidade Comoção, luto e aplausos: Gil volta a Nova Cruz para seguir na eternidade Reviewed by Ricardo Adriano on dezembro 05, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste