• Notícias de Última Hora

    domingo, 15 de janeiro de 2017

    Liturgia da Palavra de hoje (15)

    Primeira Leitura (Is 49,3.5-6)


    Leitura do Livro do profeta Isaías:
    3O Senhor me disse: “Tu és o meu Servo, Israel, em quem serei glorificado”. 5E agora diz-me o Senhor — ele que me preparou desde o nascimento para ser seu Servo — que eu recupere Jacó para ele e faça Israel unir-se a ele; aos olhos do Senhor esta é a minha glória.
    6Disse ele: “Não basta seres meu Servo para restaurar as tribos de Jacó e reconduzir os remanescentes de Israel: eu te farei luz das nações, para que minha salvação chegue até aos confins da terra”.


    - Palavra do Senhor.
    - Graças a Deus.

    Responsório (Sl 39)
    — Eu disse: Eis que venho, Senhor,/ com prazer faço a vossa vontade!
    — Eu disse: Eis que venho, Senhor,/ com prazer faço a vossa vontade!

    — Esperando, esperei no Senhor,/ e, inclinando-se, ouviu meu clamor./ Canto novo ele pôs em meus lábios,/ um poema em louvor ao Senhor.
    — Sacrifício e oblação não quisestes,/ mas abristes, Senhor, meus ouvidos;/ não pedistes ofertas nem vítimas,/ holocaustos por nossos pecados.
    — E então eu vos disse: “Eis que venho!”/ Sobre mim está escrito no livro:/ “Com prazer faço a vossa vontade,/ guardo em meu coração vossa lei!”
    — Boas novas de vossa justiça/ anunciei numa grande assembleia;/ vós sabeis: não fechei os meus lábios!


    Segunda Leitura (1Cor 1,1-3)


    Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios:
    1Paulo, chamado a ser apóstolo de Jesus Cristo, por vontade de Deus, e o irmão Sóstenes, 2à Igreja de Deus que está em Corinto: aos que foram santificados em Cristo Jesus, chamados a ser santos junto com todos os que, em qualquer lugar, invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso. 3Para vós, graça e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo.

    - Palavra do Senhor.
    - Graças a Deus.

    Anúncio do Evangelho (Jo 1,29-34)


    — O Senhor esteja convosco!
    — Ele está no meio de nós.
    — PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
    — Glória a vós, Senhor!


    Naquele tempo, 29João viu Jesus aproximar-se dele e disse: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. 30Dele é que eu disse: Depois de mim vem um homem que passou à minha frente, porque existia antes de mim. 31Também eu não o conhecia, mas se eu vim batizar com água, foi para que ele fosse manifestado a Israel”.
    32E João deu testemunho, dizendo: “Eu vi o Espírito descer, como uma pomba do céu, e permanecer sobre ele. 33Também eu não o conhecia, mas aquele que me enviou a batizar com água me disse: ‘Aquele sobre quem vires o Espírito descer e permanecer, este é quem batiza com o Espírito Santo’. 34Eu vi e dou testemunho: Este é o Filho de Deus!”

    — Palavra da Salvação.
    — Glória a vós, Senhor.

    Homilia
    João reconhece quem é Jesus, aproxima-se d’Ele para apontar que Ele é o Cordeiro de Deus, aquele que tira o pecado do mundo. O mundo, antes de Jesus, no Seu tempo, o mundo em que vivemos, é atolado de trevas, que vem do pecado e nos lança numa escuridão profunda sem sabermos para onde vamos.
    Quando as trevas tomam conta do nosso coração, do nosso interior, andamos perdidos na estrada, no caminho, muitas vezes, tomando decisões e direções erradas na vida, porque nos falta luz.
    A luz nos foi enviada, nos foi dada como dom, como presente e graça divina aos nossos corações. A luz é Jesus!
    Como Jesus penetra em nossa vida, em nosso coração? Primeiro, libertando-nos do pecado, porque se há algo que obscurece nossa visão interior, nossa vida e nos mantêm cativos à escravidão do mal, este se chama pecado. Por isso, Jesus é o cordeiro de Deus, Aquele que vem para tirar os pecados do mundo.
    Os antigos precisavam oferecer muitos sacrifícios, e os animais, cordeiros principalmente, eram sempre sacrificados em expiação dos pecados; e, muitas vezes, esses sacrifícios não eram capazes de apagar os pecados, porque estes estão entrelaçados na alma, no coração, no nosso interior. Então, não adianta fazermos simplesmente sacrifícios exteriores.
    Eu vejo pessoas que fazem sacrifícios medonhos na vida, vejo pessoas que vão a pé para lugares, outras que oferecem diversas formas de sacrificar a própria vida. Não é vão seu sacrifício, não é inútil, mas tenho que lhe dizer que o grande sacrifício, em primeiro lugar, é aquele oferecido por Jesus, capaz de reparar os nossos pecados.
    Todo e qualquer sacrifício que fazemos, nesta vida, é para nos unir ao sacrifício de Jesus! Ou seja, o sacrifício da luta contra o pecado. Essa é a grande graça que precisamos de Deus a cada dia, a graça de vencermos e lutarmos contra o pecado. Por isso, Ele é o Cordeiro de Deus, é a graça que tira, de fato, o pecado da nossa vida e do mundo!
    “Aquele sobre quem vires o Espírito descer e permanecer, este é quem batiza com o Espírito Santo” (João 1, 33). A grande dádiva que Deus nos dá para vencermos os pecados é o Seu Espírito, que desce sobre nós, lava-nos, purifica-nos, renova-nos e nos dá o alento para sermos também vencedores sobre o mal e o pecado.
    Deus abençoe você!

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture