• Notícias de Última Hora

    sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

    Município pede embargo da construção da bacia de dejetos

    O secretário de Políticas do Campo, Elionaldo Benevides, do município de Caraúbas, disse na tarde  desta quinta-feira 16, que foi oficializado junto ao Instituto de Defesa Ambiental (Idema) o pedido de embargo da construção de uma bacia de dejetos que está sendo construída entre as comunidades do São Geraldo e Xique Xique, na região da várzea. O serviço pertencente a uma empresa com sede no município do Apodi, está causando preocupação e revolta dos moradores circunvizinhos.
     De acordo com o secretário Elionaldo Benevides, o pedido de embargo se deu devido a empresa responsável não dispor de documentação necessária para realizar o serviço de construção, bem como uma declaração de uso do solo, que tem de ser emitida pela Secretaria de Políticas do Campo de Caraúbas, uma vez que a construção está sendo feita no município caraubense.

    “Entre as inúmeras irregularidades que foram encontradas na construção da bacia de dejetos, está a ausência de documentos específicos, entre eles uma declaração emitida pela nossa secretaria, que autoriza o uso do solo. Como não foi dada e nem será, o serviço vai ser embargado”, destacou o secretário.

    Na quarta-feira passada, o prefeito Juninho Alves visitou o local e constatou de perto a preocupação e revolta dos moradores das comunidades vizinhas a obra e garantiu que o serviço não vai mais ser prosseguido.

    “Autorizamos o secretário Elionaldo Benevides a resolver a problemática e ele hoje manteve contato com o proprietário e disse que não temos interesse em autorizar uma obra que vai prejudicar a população e disse ainda que as obras serão embargadas”, concluiu o prefeito Juninho Alves.

    Assessoria de Comunicação PMC

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture