• Notícias de Última Hora

    sexta-feira, 10 de março de 2017

    ANEEL reconhece, mais uma vez, que cobrou indevidamente do consumidor energia que não usou

    A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) reconheceu, digo, admitiu, que cobrou indevidamente, de todo consumidor brasileiro, uma energia elétrica, que não utilizou.

    Explico: A tal "Angra 3", de energia nuclear, que só estará em funcionamento no 2° semestre de 2019, e, se tratando de Brasil, ainda assim levanta-se dúvidas quanto a sua funcionalidade, foi contratada para poder aumentar a segurança do sistema elétrico, e isso importa o valor 'irrisório' de R$ 1,8 bilhões de reais.

    PASMEM!! A mesma ANEEL disse que a forma que irá ressarcir o consumidor roubado, é atribuindo um valor inferior ao que será solicitado, como aumento, de futuros reajustes na conta de luz, pelas concessionárias. Exemplo: Se o aumento reajustado for de 7%, a agência permitirá um reajuste de um pouco mais de 6% e não os 7% solicitado.

    É no mínimo RIDÍCULO. 




    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture