Com restrições, China retoma compra de carne brasileira; "vitória bastante importante", diz ministro

Ministro da Agricultura Blairo Maggi vistoria produção de carne em fábrica da JBS Seara em Lapa, no Paraná
O ministério da Agricultura confirmou neste sábado (25) que a China liberou com restrições a importação de carne brasileira. A nota oficial do Ministério da Agricultura (veja ao final do texto) diz que foram fornecidas ao País "todas as explicações necessárias" e garantida "a qualidade de nossa inspeção sanitária".
A liberação ocorre menos de uma semana depois de o país asiático suspender a compra de carne suspeita brasileira (na última segunda, 20) e oito dias depois da deflagração da Operação Carne Fraca da Polícia Federal, que apontou irregularidades na inspeção da produção nacional e tem provocado prejuízo no mercado frigorífico interno e de exportação.
Cerca de 20 países haviam adotado restrições ao produto. Além da reabertura chinesa, o Chile retirou o veto total da carne brasileira neste sábado (25), mas manteve a restrição para os 21 frigoríficos investigados, informa o colunista do G Gerson Camarotti. Um terceiro país, o Egito anunciou que vai retomar a importação de carne brasileira, de acordo com a Agência Reuters.
Com restrições, China retoma compra de carne brasileira; "vitória bastante importante", diz ministro Com restrições, China retoma compra de carne brasileira; "vitória bastante importante", diz ministro Reviewed by Ricardo Adriano on março 25, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste