• Notícias de Última Hora

    quinta-feira, 9 de março de 2017

    Kelps Lima apresenta projeto para homenagear Maria da Penha com título de Cidadã do RN


    No Dia Internacional da Mulher, o deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) apresentou à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, um projeto que homenageia, com o Título de Cidadã Norte-rio-grandense, a cearense Maria da Penha Maia Fernandes, escolhida pela ONU como uma das 10 mulheres que simbolizam a luta contra a violência doméstica no mundo.

    “Ela foi à luta, conseguiu mudar a legislação brasileira, mas a lei que pune ainda não é capaz de mudar a cultura das pessoas. Por isso que Maria da Penha tem que ser enaltecida todos os dias”, declarou o parlamentar, que em seu discurso contou a história da farmacêutica que sofreu agressões do ex-marido que quase a matou.

    Para Kelps Lima, a lei sozinha não resolve e o tema tem que ser sempre lembrado diante da brutal violência que as mulheres vem enfrentam todos os dias. O parlamentar disse que a homenagem que ele quer prestar a Maria da Penha foi uma sugestão das mulheres do Solidariedade, o seu partido.

    Em seu discurso, Kelps Lima afirmou que a violência contra as mulheres é um tema que está na pauta negativa da sociedade brasileira. “Essa luta tem que ser de todo santo dia para a gente alimentar uma cultura de respeito”, reforçou o deputado.

    Em aparte a Kelps Lima, a deputada Márcia Maia pediu para subscrever o projeto “de iniciativa justíssima”. Márcia lembrou que há anos vem debatendo sobre a Lei Maria da Penha no plenário da Assembleia, e já tentou trazê-la a Natal para participar de audiências públicas e até ser homenageada, mas sempre foi informada que, pelo fato do ex-marido e agressor dela residir em Natal, ela nunca pôde atender aos convites. “Daí o trauma por todo o sofrimento que viveu. Ela chegou a ir a Mossoró, mas a Natal ela nunca teve condições de vir”, explicou Márcia Maia. “A luta dessa mulher se transformou na mudança do Código Penal, e agora com a Lei Maria da Penha, o agressor é realmente punido”, concluiu a deputada.

    O deputado Gustavo Carvalho (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa em exercício, também aparteou o discurso de Kelps para também subscrever a homenagem a Maria da Penha proposta pelo deputado do Solidariedade.

    Portal Assembleia Legislativa do RN

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture