• Notícias de Última Hora

    terça-feira, 7 de março de 2017

    Ministro diz esperar que cúpula do governo não esteja na lista de Janot

    Em sua primeira entrevista no cargo, o novo ministro da Justiça, Osmar Serraglio, disse nesta terça-feira (7) esperar que a PGR (Procuradoria Geral da União) não peça abertura de investigação ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra nenhum integrante do governo peemedebista.

    Ministro da Justiça, Osmar Serraglio, que substituiu Alexandre de Moraes
    A expectativa é de que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresente a lista de nomes nesta semana e, segundo a Folha apurou, incluirá os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral) e parlamentares do PMDB e do PSDB.

    "Eu, pelo menos, não adentrei na possibilidade de envolvimento mais claro [de membros do governo]. E, portanto, não posso ter opinião agora. Espero que ninguém se envolva", disse.

    Com a apresentação da lista, o presidente Michel Temer se prepara para enfrentar mais uma semana de desgaste na imagem do governo, cuja aprovação popular segue baixa, de acordo com pesquisas de opinião.

    A possibilidade do procurador-geral apresentar pedidos de inquérito contra ministros da cúpula governamental geraram o receio no Palácio do Planalto de que a nova lista afete o ritmo de tramitação da reforma previdenciária e reverbere em manifestações de rua, como a marcada para o dia 26 nas principais capitais do país.

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture