Papa Francisco autoriza canonização dos Mártires do RN, diz arquidiocese

Os mártires de Cunhaú e Uruaçu, vítimas de massacres ocorridos em julho e outubro de 1645 nos municípios de Canguaretama e São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte, devem ser declarados santos pelo Vaticano ainda este ano. Foi o que anunciou nesta quinta-feira (23) a assessoria de comunicação da Arquidiocese de Natal.

Nos dois episódios, mais de 80 fiéis foram brutalmente assassinados por ódio à Igreja Católica. Destes, 30 foram martirizados, incluindo os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, e mais o camponês Mateus Moreira, que teve o coração arrancado. A maioria das vítimas foi trancada dentro de igrejas, que foram incendiadas por invasores holandeses.
Segundo o arcebispo Dom Jaime Veira Rocha, só falta o papa Francisco marcar a data da cerimônia, “o que deve acontecer ainda este ano”.
Ainda de acordo com a Arquidiocese de Natal, a autorização para o ato de santificação dos mártires do RN foi confirmada durante audiência realizada na manhã desta quinta no Vaticano, onde o papa Francisco recebeu o cardeal Ângelo Amato, prefeito da Congregação das Causas dos Santos.
G1/RN
Papa Francisco autoriza canonização dos Mártires do RN, diz arquidiocese Papa Francisco autoriza canonização dos Mártires do RN, diz arquidiocese Reviewed by Ricardo Adriano on março 24, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste