O encontro de Moro com Cármen Lúcia

MORO - Encontro-relâmpago com Cármen Lúcia (Heitor Feitosa/VEJA.com)
O juiz federal Sérgio Moro e a ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), trocaram um rápido diálogo nos corredores do hotel que abrigou um evento promovido pela Rádio Jovem Pan, nesta terça-feira, em São Paulo. Moro caminhava em direção à saída, cercado por seguranças e longe das câmeras, quando foi informado de que Cármen Lúcia havia chegado ao local para um painel posterior ao dele. O magistrado fez questão de cumprimentá-la, ao que travaram a seguinte conversa:
– Ministra, estou preocupado com a votação da segunda instância no Supremo _, disse o juiz da Lava Jato.
– Eu não mudei (o posicionamento) desde 2009_, respondeu a presidente da Corte.
– Não estou preocupado com o voto da senhora, mas com o de outros ministros_, devolveu Moro.
Ao que Cármen Lúcia o tranquilizou:
– Acho que você vai ter boas notícias.

(Em outubro do ano passado, o Supremo entendeu – por 6 votos contra 5 – que um condenado deve começar a cumprir a pena a partir de decisão da segunda instância. Porém, recentemente, o ministro Gilmar Mendes sinalizou que poderia mudar sua posição, além da chegada de outro membro à Corte, Alexandre de Moraes. Como o placar foi apertado, o caso poderia voltar a ser discutido. Se a regra fosse alterada, impactaria substancialmente a Lava Jato).
O encontro de Moro com Cármen Lúcia O encontro de Moro com Cármen Lúcia Reviewed by Ricardo Adriano on agosto 16, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste