• Notícias de Última Hora

    domingo, 10 de setembro de 2017

    Como carregar seu celular sem rede elétrica em 3 passos simples


    Se você estiver diante de um desastre natural, como o furacão Irma, que já matou pelo menos 25 pessoas no Caribe e segue agora rumo à Flórida, ou mesmo de uma inundação ou terremoto, é provável que em algum momento você fique sem luz. 

    Na Flórida, por onde o Irma deve causar estragos neste domingo, mais de 1,4 milhão de casas já estão sem acesso a uma rede elétrica.

    Mas isso não acontece apenas em situações de vida ou morte. Imagine que sua bateria acabe enquanto você estiver acampando em um local isolado. Qualquer que seja o caso, estes três passos vão ajudá-lo.

    Do que você precisa? Para carregar seu celular sem ter de plugá-lo à tomada, você vai precisar de: um adaptador USB para carros, o cabo do seu próprio telefone, uma pilha de 9 volts e um clipe de metal.

    O que você vai fazer é conduzir a eletricidade da bateria até o telefone. Você vai transportar partículas eletricamente carregadas usando um meio de transmissão, ou seja, um condutor elétrico, que, neste caso, será um clipe metállico. O objetivo é formar um pequeno campo elétrico artesanal - de baixa intensidade - que pelo menos lhe permitirá fazer chamadas de emergência ou enviar mensagens.

    Passo 1: abrir o clipe metálico e enroscá-lo em um dos polos da bateria As baterias ou pilhas contêm dois polos. Um deles tem um sinal positivo e o outro, negativo. Ao conectar esses dois polos, os elétrons fluem do polo negativo ao positivo. Para gerar esse campo elétrico, usa-se um objeto metálico porque os metais são bons condutores de eletricidade. 

    Os metais permitem o fluxo de elétrons de um ponto a outro. Neste caso, você deve abrir o clipe metálico e enroscá-lo no polo negativo da pilha. Uma extremidade do clipe fica na parte de cima e a outra aponta para o lado de fora.

    Passo 2: Colocar o adaptador para carros no polo positivo da bateria

    O passo seguinte consiste em colocar o adaptador USB para carros no outro polo. A partir daí, o campo elétrico é gerado.

    Passo 3: Empurrar o clipe em direção à parte metálica que está encostada no adaptador 

    O último passo é fazer com que os dois metais entrem em contato - o clipe com a parte metálica do adaptador. Dessa forma, será possível fazer fluir os elétrons e gerar eletricidade. 

    Concluída essa etapa, só falta plugar o cabo USB no celular, igual a quando você o carrega em um computador.

    Todas as pilhas ou baterias contêm eletrólitos e outras substâncias químicas que reagem entre si, fazendo com que comecem a se mover freneticamente e gerem energia. Em outras palavras: a energia química é transformada em energia elétrica.

    Sem isso, não conseguiríamos armazenar energia em pequenos dispositivos capazes de salvar nossa vida quando não temos acesso à eletricidade.

    Tal método caseiro para carregar o celular não é o único. Basta navegar na internet para descobrir várias ideias parecidas - outras nem tanto - que funcionam com o mesmo princípio.

    UOL Ciências

    Nenhum comentário :

    Twitter

    -->

    Culture