Dono diz que imóvel onde a PF achou R$ 51 mi foi cedido a Geddel

PF encontra malas de dinheiro em endereço em Salvador que segundo investigações seria usado como "bunker" para valores por Geddel Vieira Lima (Polícia Federal/Divulgação)
O empresário Silvio Silveira confirmou à Polícia Federal que emprestou ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) o apartamento em que foram encontrados 51 milhões de reais armazenados em malas e caixas. Em depoimento, ele declarou que não sabia que o peemedebista vinha usando o imóvel como um “bunker” para guardar dinheiro. A fortuna foi a maior quantia em espécie já apreendida na história da PF.
Silveira se apresentou à PF e contou que Geddel pediu o apartamento para estocar pertences do pai, morto em janeiro de 2016. Os agentes demoraram aproximadamente quatorze horas para conferir a quantia encontrada. O balanço final indicou que havia 42,6 milhões de reais e 2,68 milhões de dólares escondidos no apartamento. Geddel ainda não se manifestou sobre a origem do dinheiro atribuído a ele.
Segundo o delegado Daniel Justo Madruga, superintendente regional da PF na Bahia, os agentes ficaram “surpresos” com a descoberta de tanto dinheiro. De acordo com ele, os agentes esperavam encontrar documentos referentes ao ex-ministro no apartamento, localizado no segundo andar de um prédio na Rua Barão de Loreto, em Salvador, a um quilômetro da casa de Geddel. Madruga disse que há uma investigação em curso em Brasília para apurar se a origem do dinheiro é ou não lícita.
Dono diz que imóvel onde a PF achou R$ 51 mi foi cedido a Geddel Dono diz que imóvel onde a PF achou R$ 51 mi foi cedido a Geddel Reviewed by Ricardo Adriano on setembro 07, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste