Curiosidade do dia - Por que temos cócegas?


Imagem Ilustrativa / Internet 

Cócegas, essa sensação peculiar entre o agradável e o insuportável que inunda seu corpo quando alguém toca, pressiona ou acaricia em certos pontos sensíveis do organismo. Uma experiência estranha que muitas vezes produz risos, mas não aquele riso que vem de dentro, mas um riso compulsivo produzido pelo corpo como um recurso defensivo. Nos pés, nas axilas, no pescoço, na parte de trás ... As cócegas são enquadradas como um recurso peculiar que até mesmo já foi usado para torturas na antiguidade. Confira algumas curiosidades sobre as cócegas.

Como ocorrem cócegas?


O funcionamento das cócegas baseia-se na ativação, através de vários pontos do corpo, da área do cérebro que está relacionada à percepção de risco e ao instinto de escapar. Um tipo de ato reflexo que foi útil em tempos primitivos, mas hoje é enquadrado como uma característica divertida. A sensação de fazer cócegas só pode ser determinada pelo fator surpresa. Ou seja, uma pessoa não pode fazer cócegas. No entanto, qualquer pessoa pode gerar essa sensação em outra se pressionar determinados pontos do corpo.

O processo de dar e receber cócegas é baseado em um cronograma neurológico em que diferentes conexões pessoais ocorrem. Uma atividade baseada em comunicação e empatia que é definida como uma das características mais peculiares do corpo humano e que é produzida inteiramente pelo cérebro e pelos nervos.
Curiosidade do dia - Por que temos cócegas? Curiosidade do dia - Por que temos cócegas? Reviewed by Paulo Roberto on outubro 13, 2017 Rating: 5

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste