Adbox
Tecnologia do Blogger.

CRAS em Caraúbas (RN) utiliza oficinas de dança como instrumento de inclusão e incentivo à cultura

Com um plano de aula em mãos e bem elaborado, é assim que a facilitadora do Serviço de convivência e Fortalecimento de Vínculo – SCFV, Betânia Santos trabalha com os usuários dos Cras  “Manoel Maria no Bairro Leandro Bezerra,  Cras “Edgardo Braga” Alto São Severino e Pólos da zona rura em Caraúbas.

O objetivo das aulas é inserir valores éticos e morais além de incorporar os saberes da cultura aos conteúdos para que os usuários possam conhecer as dimensões sociais, materiais e culturais da cidade e diversas regiões do Brasil.

Para a facilitadora de dança Betânia Santos, é muito importante formar grupos de danças para apresentações municipais, regionais e culturais, pois envolvem as crianças e adolescentes deixando-as com mais responsabilidades ocupando em atividades interativas. 
Danças folclóricas, regionais, xaxado, baião, e entre outras, são trabalhadas cotidianamente com 92 crianças espalhadas pelos Cras e pólos, e a estimativa é que este número aumente em 2018.

Além das aulas práticas de dança, a facilitadora trabalha temáticas teóricas sobre infância e saúde, direitos humanos, socioassistenciais e convivência famíliar.

“A arte está presente na vida do homem desde os primórdios de sua existência, inicialmente contextualizada nas atividades diárias por meio de representações artísticas”, disse a profissional Betânia Santos.

Para a secretária de assistência social, Sânsia Cristina Fernandes Maia Brasil, as oficinas de danças envolvem todas as crianças assistidas pelos Cras do município, e tem tornado referência, pois o ritmo é envolvente e eles gostam de estarem envolvidos nas oficinas.

“Os serviços de Convivência de Fortalecimento de Vínculos – SCFV, dos Cras tem um belíssimo trabalho, seja na musicalidade, capoeira, dança, e outras oficinas; onde todos atendem o pré-requisito de promover interação entre usuários, família e funcionários da instituição”, enfatizou o prefeito Juninho Alves.

Assessoria de Comunicação
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.

0 comentários: