Papa pede a bispos peruanos que não tenham medo de denunciar abusos

No último dia de sua visita ao Peru, o papa Francisco pediu hoje (21) aos bispos peruanos que não tenham medo "de denunciar os abusos e os excessos", assim como fez santo Turíbio de Mongrovejo. A informação é da Agência EFE.

O pontífice se reuniu com cerca de 60 bispos e citou como exemplo, em seus discursos, as proezas de santo Turíbio de Mongrovejo, arcebispo de Lima entre 1579 e 1606 e patrono do episcopado latino-americano.

Francisco disse que o santo foi um "construtor de unidade eclesiástica" e elaborou o seu discurso com base na vida de Turíbio, para dar exemplos aos sacerdotes.

Francisco explicou que Turíbio foi "o que hoje chamaríamos de um bispo andarilho. Um bispo com o costume de andar, de percorrer, de ir ao encontro de todos para anunciar o Evangelho, em todos os lugares".

"Sem medo e sem asco, (Turíbio) entrou em nosso continente para anunciar a boa nova", reiterou o pontífice aos bispos.

O papa também comentou que santo Turíbio estudou as línguas indígenas e destacou a importância "de se conhecer a linguagem dos outros, só assim para fazer o Evangelho ser entendido e entrar no coração".
Papa pede a bispos peruanos que não tenham medo de denunciar abusos Papa pede a bispos peruanos que não tenham medo de denunciar abusos Reviewed by Ricardo Adriano on janeiro 21, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste