Expectativa de vida aumenta e idosos ficam cada vez mais ativos na terceira idade

Nas últimas décadas, devido a novas descobertas da medicina e uma melhora significativa do bem-estar da população, a expectativa de vida dos homens e mulheres têm tido uma tendência a aumentar e no Brasil não é diferente.
Em 2014, a expectativa de vida estava na média dos 75,2 anos e atualmente já se encontra nos 75,8 anos. Isto é uma indicativa da melhora progressiva e consistente que tem sido experimentada.
De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nos últimos anos a população masculina teve um ganho expressivo de tempo maior que o das mulheres. Entretanto, elas ainda vivem mais tempo que eles, chegando a quase 80 anos.
Os dados indicam que mulheres vivem em média de cinco a dez anos a mais que os homens e que esta tendência pode ser observada em, literalmente, todos os estados do Brasil. Apesar disto, alguns estados possuem diferenças ainda mais proeminentes.
A maior diferença entre os gêneros pode ser encontrada no Alagoas, seguida por Bahia e Sergipe. Os lugares onde as mulheres vivem mais, ultrapassando os 80 anos, estão localizados no Distrito Federal, Espírito Santo, Minas Gerais, Santa Catarina, São Paulo e Paraná.
Independente de diferenças, a esperança de vida de todos está aumentando de maneira consistente. Pesquisadores do IBGE, como Fernando Albuquerque, atribuem a maior expectativa de vida a avanços medicinais da década de 1940.
Na época, a esperança de vida estava na casa dos 45 anos, entretanto, após a utilização de boas políticas de saúde pública, os valores começaram a subir. Grandes sucessos brasileiros incluem as campanhas de vacinação em massa e uma atenção especial a um bom desenvolvimento da população, especialmente na primeira idade.
Expectativa de vida aumenta e idosos ficam cada vez mais ativos na terceira idade Expectativa de vida aumenta e idosos ficam cada vez mais ativos na terceira idade Reviewed by Ricardo Adriano on fevereiro 19, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste