Adbox
Tecnologia do Blogger.

Liturgia da Palavra de hoje (7)

Liturgia da Palavra
Primeira Leitura (Dt 4,1.5-9)
Leitura do Livro do Deuteronômio.
Moisés falou ao povo, dizendo: 1“Agora, Israel, ouve as leis e os decretos que eu vos ensino a cumprir, para que, fazendo-o, vivais e entreis na posse da terra prometida que o Senhor Deus de vossos pais vos dará. 5Eis que vos ensinei leis e decretos conforme o Senhor meu Deus me ordenou, para que os pratiqueis na terra em que ides entrar e da qual tomareis posse.
6Vós os guardareis, pois, e os poreis em prática, porque neles está vossa sabedoria e inteligência perante os povos, para que, ouvindo todas estas leis, digam: ‘Na verdade, é sábia e inteligente esta grande nação!’ 7Pois, qual é a grande nação cujos deuses lhe são tão próximos quanto o Senhor nosso Deus, sempre que o invocamos? 8E que nação haverá tão grande que tenha leis e decretos tão justos, quanto esta lei que hoje vos ponho diante dos olhos? 9Mas toma cuidado! Procura com grande zelo não te esqueceres de tudo o que viste com os próprios olhos, e nada deixes escapar do teu coração por todos os dias de tua vida; antes, ensina-o a teus filhos e netos”.
- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Responsório (Sl 147)
— Glorifica o Senhor, Jerusalém!
— Glorifica o Senhor, Jerusalém!
— Glorifica o Senhor, Jerusalém! Ó Sião, canta louvores ao teu Deus! Pois reforçou com segurança as tuas portas, e os teus filhos em teu seio abençoou.
— Ele envia suas ordens para a terra, e a palavra que ele diz corre veloz. Ele faz cair a neve como lã e espalha a geada como cinza.
— Anuncia a Jacó sua palavra, seus preceitos e suas leis a Israel. Nenhum povo recebeu tanto carinho, a nenhum outro revelou os seus preceitos.

Evangelho (Mt 5,17-19)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 17“Não penseis que vim abolir a Lei e os Profetas”. Não vim para abolir, mas para dar-lhes pleno cumprimento. 18Em verdade, eu vos digo: antes que o céu e a terra deixem de existir, nem uma só letra ou vírgula serão tiradas da Lei, sem que tudo se cumpra.
19Portanto, quem desobedecer a um só desses mandamentos, por menor que seja, e ensinar os outros a fazerem o mesmo, será considerado o menor no Reino dos Céus. Porém, quem os praticar e ensinar será considerado grande no Reino dos Céus.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

Homilia
Quando o povo de Deus caminhava pelo deserto rumo à terra prometida, Ele reuniu, instruiu e formou o Seu povo; e colocou no coração deles os mandamentos para que pudessem viver e caminhar.
Tudo que não tem ordem e mandamento cai em desordem e vira uma verdadeira anarquia; e se não colocarmos ordem na nossa vida, se não tivermos mandamentos a seguir e disciplina para vivermos, cairemos no caos e na desordem.
Olhe quantas vidas desordenadas, bagunçadas e quantas vezes o nosso coração encontra-se no verdadeiro terremoto. Precisa ordenar e direcionar os mandamentos do Senhor. As leis do Senhor Deus não são legalismos, de forma nenhuma, mas são princípios de organização, de vida e ordenamentos para que a vida humana, de fato, caminhe na ordem.
Se a humanidade caminha como caminha e se está desordenada como está é porque não vive, não segue e muitos ignora e menospreza os mandamentos do Senhor.
É muito importante que nesse tempo da graça no qual vivemos, o tempo Quaresmal, nosso exame de consciência seja feito a partir dos mandamentos do Senhor. Desde o primeiro deles que é: “Amar a Deus sobre todas as coisas”, até o décimo: “Não cobiçar o que não me pertence”; todos os mandamentos do Senhor precisam estar espelhados na nossa vida e nosso coração; vivendo os mandamentos do Senhor, caminharei nos Seus passos.
Não despreze os mandamentos de Deus, não os ignore e não ensinem a outros a desobedecerem e não viverem os mandamentos do Senhor. Eu digo que, os pais, têm que ser os primeiros a sentar na mesa com os filhos e rever a vida, a conduta familiar;  a família precisa viver a partir dos mandamentos de Deus.
Na minha casa e na minha família nós amamos a Deus sobre todas as coisas? Nós respeitamos o nome do Senhor? Guardamos o dia Senhor? Aqui, na nossa casa, honramos nossos pais? Vivemos o princípio da vida? O nosso corpo tem sido templo e morada de Deus? Em nossa casa e família não cobiçamos ou pegamos coisas que sejam de alguém?
Que em nossa casa falemos sempre a verdade e não deixemos que nenhuma mentira invada o nosso ambiente; um bom exame de consciência familiar santifica, renova, guarda e purifica uma família. Ensinemos uns aos outros a vivermos e a praticarmos os mandamentos, porque é isso que engradece o nosso coração diante do Senhor Nosso Deus.
Deus abençoe você!

Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.

0 comentários: