Adbox
Tecnologia do Blogger.

Para fugir da responsabilidade, jovem grávida oferece bebê em rede social

O risco da gravidez na juventude
Uma grávida de 17 anos resolveu oferecer o próprio bebê nas redes sociais. A jovem, moradora de uma região rural na Argentina, teria disponibilizado a criança para adoção por não poder arcar com os custos de criar o filho. Conforme relata a agência France Presse, o ato teria sido considerado como “ingênuo” e “desesperado” pelas autoridades locais.

“Se alguém souber de uma pessoa que deseje de coração adotar um bebê recém-nascido fale comigo”, dizia o post da adolescente, que já é mãe de um bebê de nove meses, segundo informações da agência. Embora o anúncio tenha sido publicado em uma seção de compra e venda de artigos comerciais de uma rede social, a advogada da gestante sustenta que a postagem não tinha fins de negociação, mas se tratava de pedido de ajuda.

“Manifestou que queria continuar tendo contato com o bebê. Está grávida de oito meses. Queria que pudessem lhe dar ajuda econômica e, por isso, gerou o equívoco. Não estava negociando”, comentou ao canal C5N Valéria Quintana.

O porta-voz da Polícia Missioneira informou ao mesmo canal que a jovem não vai responder criminalmente pela ação e que vem recebendo auxílio. De acordo com o órgão, o ato da adolescente foi interpretado como medo de não poder dar a assistência básica ao filho quando nascesse. “Fez de forma natural. Sua ação não configura crime”, comentou Alejandro Zabala.

Via MCeará

Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.