Pisa começou a ser aplicado a 18 mil estudantes brasileiros

Desde o último dia 2 de maio (quarta-feira), 18 mil alunos estão sendo avaliados pelo Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). As provas, que vão até o dia 30 de maio, serão aplicadas a estudantes de 15 anos, nascidos no ano de 2002 e matriculados a partir do sétimo ano do ensino fundamental.
O Pisa é executado a cada três anos em mais de 80 países pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). No Brasil, o exame é coordenado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que definiu uma amostra de até 33 estudantes de cada uma das 661 escolas brasileiras, públicas e particulares, escolhidas.
A avaliação é virtual e abrange as áreas de leitura, matemática e ciências. O foco do Pisa 2018 será a leitura, que terá maior número de questões. Pela primeira vez, os pais dos estudantes selecionados deverão responder a um questionário.
A partir dos resultados da prova, serão produzidos indicadores que contribuam para a discussão da qualidade da educação nos países participantes e permitam a comparação da atuação dos estudantes e do ambiente de aprendizagem entre diferentes países. A divulgação dos dados será em 2019.
A última edição do Pisa, em 2015, mostrou que quase metade dos estudantes brasileiros (44,1%) estava abaixo do nível de aprendizagem considerado adequado em leitura, matemática e ciências.
Pisa começou a ser aplicado a 18 mil estudantes brasileiros Pisa começou a ser aplicado a 18 mil estudantes brasileiros Reviewed by Ricardo Adriano on maio 09, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste