Prefeitura de Caraúbas parcela dívida milionária contraída por administrações passadas

Prefeito Juninho Alves na batalha de colocar as dívidas municipal nos eixos
O prefeito Juninho Alves, acompanhado da equipe jurídica da Prefeitura de Caraúbas, conseguiu junto à justiça federal, parcelar uma dívida milionária que havia sido contraída junto a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), por administrações passadas e que estava pendente nos precatórios a serem executados.

De acordo com o procurador geral do município, Gilson Monteiro, a dívida com a Funasa é referente ao convênio 25255.001.660/1999-14, que estava pendente desde junho de 2000 e, que agora foi parcelada, no sentido de tirar o município da inadimplência.

“Era uma dívida milionária, que com o parcelamento vai poder tirar o município cada vez mais da fila dos precatórios. Todo empenho do prefeito Juninho Alves está sendo feito para que todas as dívidas que existam, possa ser liquidadas ou mesmo parceladas”, explicou o procurador.

Já o prefeito Juninho Alves, que no início dessa semana, recebeu junto ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), o “Selo de Bom Pagador”, assegura que tudo que está sendo possível fazer para honrar os compromissos da Prefeitura de Caraúbas, vai continuar sendo executado, por entender que quanto mais livre das dívidas o município tiver, mais benefícios e convênios vão poder ser celebrados.

“Estamos aos poucos, conseguindo colocar em dia o município de Caraúbas, junto as suas atribuições. Essa dívida com a Funasa foi mais uma conquista que conseguimos parcelar”, concluiu o prefeito Juninho Alves.



Assessoria de Comunicação PMC
Prefeitura de Caraúbas parcela dívida milionária contraída por administrações passadas Prefeitura de Caraúbas parcela dívida milionária contraída por administrações passadas Reviewed by Ricardo Adriano on junho 14, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Teste Teste Teste Teste

Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste Teste