Adbox
Tecnologia do Blogger.

Último fim de semana antes da eleição é marcado por atos pró e contra Bolsonaro

© Sérgio Lima Milhares de manifestantes foram às urnas neste fim de semana. Nas fotos, os protestos em Brasília
O último fim de semana antes do 1º turno, em 7 de outubro, foi marcado por atos pró e contra o candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro.

No sábado (29.set.2018), foram registradas manifestações em protesto ao militar nos 26 Estados e no Distrito Federal. Os atos foram promovidos em mais de 100 cidades. Organizados pelo coletivo ‘Juntas’, o movimento #EleNão foi difundido por artistas nacionais e internacionais.


Neste domingo (30.set), apoiadores do militar também foram às ruas em todas as unidades da Federação para defender sua candidatura. Foram realizadas caminhadas e carreatas em pelo menos 60 cidades.
Poder360 resume a seguir como foram as manifestações nas principais capitais:

São Paulo

Contra: O ato começou no Largo da Batata, na Zona Oeste, às 15h deste sábado. Artistas e movimentos de esquerda participaram da manifestação, que terminou cerca de 20h30 na Avenida Paulista. Os organizadores falam em 500 mil pessoas. A Polícia Militar não divulgou estimativa.
Os candidatos à Presidência Marina Silva (Rede), Guilherme Boulos (Psol) e Vera Lúcia (PSTU) participaram. Também estiveram no local os vices Manuela D’Ávila (PC do B), de Fernando Haddad (PT), Kátia Abreu (PDT), de Ciro Gomes (PDT), e Sonia Guajajara (Psol), de Guilherme Boulos.
A favor: O ato começou às 14h na Avenida Paulista. Apoiadores do militar vestiam verde e amarelo e gritavam frases como: “Eu vim de graça”. Antes das 17h, uma forte chuva fez os manifestantes se dispersarem. O público não foi estimado.
Filho do candidato, Eduardo Bolsonaro participou do ato. Disse que “mulheres de direita são muito mais bonitas do que as de esquerda” e que “se a urna não for fraudada” ganharão no 1º turno. Bolsonaro ficou em repouso em casa, mas mandou uma mensagem aos apoiadores.

Rio de Janeiro

Contra: Manifestantes se reuniram na região da Cinelândia, em frente à Câmara Municipal do Rio de Janeiro, no início da tarde de sábado. O movimento terminou cerca de 21h após percorrer o centro do Rio. A música “Bella Ciao”, símbolo contra o fascismo italiano, foi cantada. O público não foi estimado.
A favor: O ato deste domingo ocorreu em Niterói e começou por volta das 10h. O filho do militar e candidato a senador pelo PSL,Flávio Bolsonaro, participou. Segundo a Polícia Militar, cerca de 3 mil pessoas participaram.

Distrito Federal

Contra: No centro da capital federal, o ato começou às 15h e reuniu cerca de 7.000 pessoas, segundo a Polícia Militar. A organização afirma que foram mais de 30.000. Os manifestantes vestiram camisetas com mensagens como “Lute como uma Garota” e “Ele Não!”.
A favor: A manifestação começou às 10h no Museu da República. Os manifestantes fizeram carreata pela Esplanada dos Ministérios. A Polícia Militar estima que de 10 a 12 mil veículos foram utilizados no protesto para buzinar e hastear bandeiras do Brasil.
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.

0 comentários: