Adbox
Tecnologia do Blogger.

Assassino de jogador, Daniel, teria mandado limpar manchas de sangue

Uma testemunha informou à polícia que o empresário Edison Brittes, assassino confesso do jogador Daniel Correa Freitas, obrigou convidados da festa que ocorria na sua casa a limparem manchas de sangue deixadas pela agressão contra a vítima, que morreria horas depois. A jovem Evelly Brisola Perusso, de 19 anos, foi ouvida nesta terça-feira, 13, pelo delegado Amadeu Trevisan, de São José dos Pinhais, onde aconteceu o crime.
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.

0 comentários: