Adbox
Tecnologia do Blogger.

Liturgia da Palavra de hoje (8)

Primeira Leitura (Is 58,1-9a)
Leitura do Livro do Profeta Isaías.
Assim fala o Senhor Deus: 1“Grita forte, sem cessar, levanta a voz como trombeta e denuncia os crimes do meu povo e os pecados da casa de Jacó. 2Buscam-me cada dia e desejam conhecer meus propósitos, como gente que pratica a justiça e não abandonou a lei de Deus. Exigem de mim julgamentos justos e querem estar na proximidade de Deus: ‘Por que não te regozijaste, quando jejuávamos, e o ignoraste, quando nos humilhávamos?’ — É porque no dia do vosso jejum tratais de negócios e oprimis os vossos empregados. 4É porque, ao mesmo tempo que jejuais, fazeis litígios e brigas e agressões impiedosas.
Não façais jejum com esse espírito, se quereis que vosso pedido seja ouvido no céu. 5Acaso é esse jejum que aprecio, o dia em que uma pessoa se mortifica? Trata-se talvez de curvar a cabeça como junco, e de deitar-se em saco e sobre cinza? Acaso chamas a isso jejum, dia grato ao Senhor?
6Acaso o jejum que prefiro não é outro: quebrar as cadeias injustas, desligar as amarras do jugo, tornar livres os que estão detidos, enfim, romper todo tipo de sujeição? 7Não é repartir o pão com o faminto, acolher em casa os pobres e peregrinos? Quando encontrares um nu, cobre-o, e não desprezes a tua carne. 8Então, brilhará tua luz como a aurora e tua saúde há de recuperar-se mais depressa; à frente caminhará tua justiça e a glória do Senhor te seguirá. 9aEntão invocarás o Senhor e ele te atenderá, pedirás socorro, e ele dirá: ‘Eis-me aqui’”.
- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Responsório (Sl 50)
— Ó Senhor, não desprezeis um coração arrependido!
— Ó Senhor, não desprezeis um coração arrependido!
— Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia! Na imensidão de vosso amor, purificai-me! Lavai-me todo inteiro do pecado, e apagai completamente a minha culpa!
— Eu reconheço toda a minha iniquidade, o meu pecado está sempre à minha frente. Foi contra vós, só contra vós, que eu pequei, e pratiquei o que é mau aos vossos olhos!
— Pois não são de vosso agrado os sacrifícios, e, se oferto um holocausto, o rejeitais. Meu sacrifício é minha alma penitente, não desprezeis um coração arrependido!

Evangelho (Mt 9,14-15)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, 14os discípulos de João aproximaram-se de Jesus e perguntaram: “Por que razão nós e os fariseus praticamos jejuns, mas os teus discípulos não?”
15Disse-lhes Jesus: “Por acaso, os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles? Dias virão em que o noivo será tirado do meio deles. Então, sim, eles jejuarão”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

Homilia
Nos acompanhe com o Evangelho de hoje um pai que viveu uma situação dramática. Ele sofreu com seu filho desde que ele era criança. Porque, desde então, um espírito agitou aquela criança, ele jogou fogo e água.
Então, o pai e a mãe daquela criança não sabiam mais o que fazer para ajudar a criança. Foi a dor de um pai e uma mãe com um coração desesperado diante da fraqueza que aquela criança vivia. Então eles se voltaram para Jesus.
E o pedido do pai foi: "Senhor, se puder, por favor, faça pelo meu filho". E Jesus responde: "Se você puder, tudo é possível para aqueles que têm fé". Quão linda a resposta do pai! Porque, humildemente, ele disse: "Senhor, tenho fé sim, talvez seja uma fé fraca, mas com essa fé que tenho, peço-lhe: 'Ajude-me, ajude-me pouca fé ou minha falta de fé'.
Quando eu olhar para a situação de que o pai, eu olhar para a situação de muitos pais que têm fé, acredito em Deus, saiba que Ele é Pai, mas muitas vezes não sabem se voltar para Deus, porque eles sentem que não têm tanta fé.
Eu falo com você, pai e mãe: "Não importa o tamanho da sua fé, mas ela é pequena, jogo, triste para muitas situações na vida, mas especialmente para o sofrimento que os seus filhos podem causar-lhe: têm dúvidas. Busque a Jesus de todo o seu coração e de toda a sua alma. "
Assim como esse pai, também abra nossos corações para Jesus. Vamos pedir a Ele por ajuda e por Ele ajudar a nossa falta de fé. Que Ele venha nos ajudar diante dos nossos sofrimentos.
Não precisamos ter medo e desconfiança, porque o Senhor vem para nos ajudar diante de nossas fraquezas, quando nos colocamos humildemente em Sua presença. Eu procuro o evangelho de hoje e muitos pais vêm à mente que, muitas vezes, caem de joelhos, dia e noite, implorando a Deus por seus filhos.
Hoje, quero implorar a todos e colocar a semente em todos que nos acompanham: homens e mulheres, pais e mães. Fique de joelhos na presença de Jesus para clamar por seus filhos. Não espere que seu filho manifeste um problema, alguma dificuldade ou sofrimento.
Peço aos pais que, a partir do momento em que a criança é concebida, a primeira coisa a fazer é ajoelhar-se, dar por Jesus, é chorar o Sangue de Jesus por seu filho.
Que alegria e que bênção quando uma criança nasce! Mas não se deixe levar pela exaltação da vida que nasceu, fique de joelhos na presença do Senhor. E quando ela está crescendo e tornando-se um menino, uma menina, um adolescente, um jovem e em todos os períodos de sua vida, joelhos pai e mãe no chão são súplicas de bênção de Deus para orientar, liberar, salvar e restaurar as crianças.
Sempre coloque seus filhos na presença de Jesus.
Deus te abençoe!
Share on Google Plus

Sobre Ricardo Adriano

Sou pedagogo de formação, amo música, livros, poesias, trabalho com jardinagem e tudo um pouco, já fiz "um pouco". Sou amante da vida, da informação, das notícias que são levadas a você leitor (a). Estamos aqui para interagir. Obrigado por acessar este espaço.

0 comentários: